Atlântida - Principio e fim da grande tragédia - Roselis Von sass

Atlântida -  Principio e fim da grande tragédia - Roselis Von sass

Atlântida. Princípio e Fim da Grande Tragédia
Roselis von Sass 


"Quando a Estrela Lunar se apagar, nosso mundo também se apagará!", alerta a profecia. 

Como uma serpente que coloca seu pescoço ameaçador para fora das águas do mar, os forasteiros Syphax e Tus disseminam a mentira tal qual veneno sobre a Atlântida, desmentindo a gravidade da profecia e semeando a dúvida: seria realmente necessário deixar a Atlântida? Seria verdadeira a profecia sobre o afundamento do país dos dragões alados no mar? Por que abandonar a pátria com tanta pressa? 

Syphax não foi expulso pelo rei Witu e agora a princesa Brunhild apaixona-se perdidamente pelo forasteiro. 

Gurnemanz, mentor espiritual, empreende grandes viagens pelo país para conscientizar os atlantes sobre a necessidade de abandonarem sua pátria em direção a um novo lar antes que seja tarde. 

A desconfiança esparrama-se e prepara-se para dar o bote. Quem se salvará? 

Curiosidade: 
Desde que Platão mencionou a Atlântida, cientistas do mundo inteiro dedicam-se ao enigma desse continente desaparecido. 

Roselis von Sass descreve os últimos cinquenta anos desse país – uma enorme ilha protegida por íngremes rochedos – com uma exuberante natureza e animais em grande parte hoje extintos, dentre eles os lendários dragões alados.

Para maiores informações, acesse o site www.graal.org.br
 LEIA PARTE DESTA OBRA NO GOOGLE BOOKS